Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Comentários recentes

  • Anónimo

    Boa tarde,Gostava de saber a vossa opinião sobre o...

  • Anónimo

    Engraçado, lembro-me de ir ver jogos co Ribeirao e...

  • Anónimo

    És mesmo burro fdp, achas ou alguem acha que o pre...

  • Anónimo

    Mais um camelo a mamar a custa do clube, com o pas...

  • Anónimo

    Engraçado, há tantos problemas com a cidade, mas e...



estoril.png

Desportivo chega à 24ª jornada a 5 pontos da pontuação da época transata, enquanto os estorilistas querem fugir rapidamente da linha de água.

 

 Sexto lugar, 33 pontos, 29 golos marcados e 35 sofridos. É esta a marca do Grupo Desportivo de Chaves até agora na Primeira Liga, à entrada para a 24ª jornada. O conjunto orientado por Luís Castro está a míseros 5 pontos de repetir a pontuação da última temporada e a 7 dos tão afamados "40 pontos" falados por um antigo treinador do clube. Por outras palavras, caminhamos rapidamente para termos uma época melhor conseguida que a anterior, em mais um passo rumo à consolidação no patamar maior do futebol português. Mas, para atingir esses números, há que ultrapassar um Estoril em dificuldades.

 

Repetir o resultado de Moreira, mas sem a exibição deprimente

 

Se há alguma coisa a tirar de positivo do jogo frente ao Moreirense (desde já, desculpas por não termos feito antevisão nem rescaldo) é mesmo o resultado. Uma das exibições mais paupérrimas do Chaves esta temporada, algo muito pouco comum desde que a equipa de Luís Castro começou a carburar (por volta de Novembro, aquando da vitória frente ao Paços de Ferreira).

 

A jogar em casa, o Chaves é quase obrigado a ganhar se quer manter-se na luta por algo mais que a estabilidade esta temporada, mas já todos sabemos que, no Municipal, o Desportivo tem o hábito chato de deixar fugir os 3 pontos. Para este jogo não há grandes desculpas, já que só Patrão é ausência confirmada e, assim sendo, Luís Castro vai apresentar um onze de certeza mais sólido que o do Estoril, que parece não conseguir estabilizar nesta Primeira Liga.

 

Na equipa inicial não se prevêm surpresas, mas talvez não fosse mal pensado uma aposta em Stephen Eustáquio, ele que faz a diferença em termos de equilíbrio sempre que entra e, assim, aproveita-se para dar descanso a um dos médios centro mais utilizados (principalmente Bressan). Apesar disso, o onze frente ao Moreirense será repetido no domingo, se calhar apenas com o regresso de Jefferson, mas nem isso deverá alterar o técnico transmontano.

 

O Chaves tem de entrar avassalador para esta partida, não só porque vai defrontar um dos candidatos à despromoção, mas por causa do mau espetáculo protagonizado frente ao Moreirense. Por isso, a equipa tem de dar a melhor resposta possível, acima de tudo por jogar em casa. Estamos neste momento a meros 5 pontos de repetir a pontuação da última temporada e uma vitória frente ao Estoril pode colocar o Desportivo mais próximo dessa marca e, acima de tudo, praticamente garantir a manutenção na Primeira Liga.

 

O que esperar do Estoril

 

Se há equipa que não pode estar satisfeita das últimas exibições é o Estoril. Depois de ser lanterna vermelha durante várias jornadas, o mercado de janeiro serviu para os canarinhos revitalizarem a sua equipa, mas continuam a não conseguir a consistência desejada para fugir à despromoção. A derrota caseira contra um Belenenses fragilizado e a péssima "segunda parte" contra o FC Porto levaram o treinador Ivo Vieira a criticar publicamente a atitude dos seus jogadores. Agora vêm a Trás-os-Montes para, das duas uma, mostrarem o que valem ou para manterem a má forma.

 

Seja como for, o jogo não será, certamente, tão fácil quanto a tabela classificativa faz prever: cada vez aproximamo-nos mais da fase das decisões e se há coisa que essa fase mostra é que os teoricamente mais fracos fazem das tripas coração para fugir à descida. O Estoril tem vários jogadores acima da média e a criatividade q.b. para causar problemas à defensiva flaviense, com Lucas Evangelista a ser o jogador mais inconformado da equipa e que fez a cabeça em água ao Sporting há algumas semanas. Ewandro, emprestado pela Udinese, também tem sido reforço de peso para os estorilistas e as combinações com Evangelista têm sido letais. Na frente, Bruno Gomes foi expulso frente ao Belenenses e não é opção, pelo que deve saltar para a titularidade André Claro, que chegou mesmo a marcar ao Desportivo na época passada.

 

O ponto fraco desta equipa acaba por ser mesmo a instabilidade da equipa, que tem claras faltas de qualidade em certos sectores, principalmente na defesa, com Halliche e Dankler a não conseguirem, por enquanto, mostrar grande segurança e a serem uma dupla extremamente frágil até ao momento. Nas laterais, Kyriakou e Fernando Fonseca têm lutado pelo lugar na direita, com o cipriota a mostrar, particularmente, uma boa capacidade a bater livres, mas há sérias dúvidas que haja velocidade suficiente para causar dificuldades ao flanco de Djavan; na esquerda, Ailton conseguiu a titularidade desde que chegou à Amoreira, mas falta saber se tem pedalada para aguentar as subidas de Paulinho e o génio de Matheus Pereira.

 

Já no meio-campo, há sérios problemas de combinação entre os jogadores, apesar de terem o já falado Lucas Evangelista a construir jogo. A verdade é que um centrocampista sozinho não consegue mover mundos e é aqui que podem surgir fortes dificuldades para o próximo adversário do Desportivo. Bressan e Tiba vão ser opositores de peso e, pelo menos contando a qualidade individual do trio do meio-campo, o Chaves tem vantagem.

 

Prognóstico

 

Conhecendo o Desportivo a jogar no Municipal, não seria nada desajustado apostarem uns 10€ no empate, para variar. A equipa tem quase a obrigação de ganhar, principalmente atendendo às posições das duas equipas na tabela, mas o Desportivo tem grandes dificuldades em conseguir os 3 pontos em Trás-os-Montes, vá-se lá saber porquê.

 

No entanto, pensamos que a vitória vai mesmo para o lado azul-grená, num espetáculo que contará com vários golos, principalmente contando com as dificuldades defensivas dos dois conjuntos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)





Comentários recentes

  • Anónimo

    Boa tarde,Gostava de saber a vossa opinião sobre o...

  • Anónimo

    Engraçado, lembro-me de ir ver jogos co Ribeirao e...

  • Anónimo

    És mesmo burro fdp, achas ou alguem acha que o pre...

  • Anónimo

    Mais um camelo a mamar a custa do clube, com o pas...

  • Anónimo

    Engraçado, há tantos problemas com a cidade, mas e...